segunda-feira, 10 de julho de 2006

Arte de Ser Português

Teixeira de Pascoaes

Assírio & Alvim















Depois da total euforia que vivemos com a participação da selecção portuguesa no Mundial de Futebol, com as cores da bandeira e o som do hino nacional, nada melhor que ler este belo livro de Teixeira de Pascoaes.

Será que o destino do português já está escrito no seu passado?

Um pequeno povo redescobriu novos mundos ao mundo e foi tão grande...

Agora sentimos que o mundo olha novamente para os nossos heróis, vê a nossa bandeira, ouve a nossa voz, a nossa alma, a nossa eterna saudade...

Nós portugueses, quando temos que definir um português com exaltação e orgulho, um herói, deixa de ser português e passa a ser um lusitano. Com a selecção de futebol portuguesa voltou a acontecer o mesmo.

Muitos pensamentos vão-me surgindo depois do que estamos a viver e ao ler este belo livro do escritor do Marão.

13 comentários:

DeepBlue disse...

Caro Mahayana,
Fico feliz por teres tomado a teu cargo o reanimar deste blogue! Quanto a este livro e a esta questão em particular, lembro-me de uma frase que escrevi em tempos no Lusophia: "É hora do Mundo pôr os olhos em Portugal e Portugal pôr os olhos no Mundo!" (ou algo assim deste género). Contudo, hoje estou um pouco mais... talvez a palavra seja... parvo... e tenho uma ideia um pouco diferente. Penso que nesta altura seria essencial os portugueses porem os olhos em si mesmos e tentar perceber realmente aquilo que foram e o que são hoje e o que podem vir a ser no futuro. Infelizmente, ao contrário do que se pode pensar, analisando as nossas conquistas futebolísticas, a imagem de Portugal no Mundo não está famosa e somos vistos, em alguns países (em particular na Inglaterra) como uns grandes vigaristas (sim é verdade!). E é claro que os nossos políticos nada fazem para contrariar esta ideia, naturalmente. Por isso digo, olhemos para nós mesmos, procuremos as nossas mais valias, as nossas qualidades, as nossas particularidades e a difícil "Arte de Ser Português", para que possamos sair airosamente desta crise (ou lá o que é que lhe queiram chamar) em que nos encontramos à demasiado tempo e que parece não ter fim. A ti, meu bom Amigo e Irmão, um enorme BEM HAJAS por já teres descoberto há muito essa magestosa Arte de seres TU MESMO!!!

eternal8 disse...

Caros amigos,

Já tinha saudades de novos posts neste belo blog. Estou curioso para ler o livro de Teixeira de Pascoaes: "A Arte de Ser Português". Há já muitos anos que procuro o livro e nunca o encontrei. Talvez agora seja "a Hora"...

Um abraço para todos aqueles que animam este blog, em especial para ti Mahayana, Lucas e Franclim!

Eternal8

Francisco Canelas de Melo disse...

Caros Amigos,
Fico bastante contente por este voltar a este meio de divulgação de livros.

Arte de Ser Português foi o meu primeiro livro de Teixeira de Pascoes. Livro de uma leitura curiosa, algo complexa mas muito ilucidativa da importância da identidade, em primeiro lugar municipalista e somente depois patriotica. Após ler o livro indicado no post anterior, revejo nele algumas semelhantes na forma de organização de Estado.
Talvez Agostinho da Silva tenha "bebido" da mesma fonte que Teixeira de Pascoes, e tantos outros como António Sardinha, Almeida Braga, Conde de Monsaraz, pensadores dedicado à Portugalidade.

Deixo os votos da continuação de mais post neste excelente blog literário.

Abraço a todos,

Francisco

El Mariachi disse...

Caros amigos...

Para quem tem dificuldades em encontrar este exemplar, por favor dirijam-se à Assírio & Alvim no cinema King. Infelizmente, estão lá alguns exemplares esquecidos. E há muito tempo!

Tentem sempre a Barata de Campo de Ourique, claro... pode ser que...

Jorge Arbusto Sr. disse...

Um blogue de bom gosto literário, considerem-se linkados.

mahayana disse...

Este livro continua a fazer-me reflectir muito sobre Portugal e os Portugueses.
Num determinado capítulo, Pascoaes refere-se às Qualidades da "Arte de Ser Português"; O Espirito de Aventura, A Missão Messiânica e o Espirito de Liberdade e de Independência.
Mas também aos Defeitos; a Tristeza, a Intolerância, a Vaidade entre outros.
No entanto, Pascoaes refere-se a uns e outros com tanta delicadeza, que sorri, ao ler as qualidades e defeitos, vendo com muita clareza as suas belas palavras.

Jorge Arbusto Sr. disse...

Por favor poderiam indicar-me onde é possível obter o livro?

Tentei através do site da editora mas deu erro.

DeepBlue disse...

O Ilustíssimo e Sereníssimo Sr. El Mariachi respondeu a essa mesma questão no comentário que aqui deixou, meu Caro Sr. Jorge Arbusto Sr.

Jorge Arbusto Sr. disse...

Esperava uma referência na internet, porque não sou de Lisboa.

Mas como vou à capital brevemente, o cinema King fica perto de alguma estação de metro?

Thoth disse...

"O poeta é o escultor espiritual de uma pátria"; assim o diz o grande Teixeira de Pascoaes.
Este excelente livro, deveria ser de leitura obrigatória em todas as escolas!
Pela referência - os meus amigos merecem ter um link...

Cumprimentos

V.F. disse...

Foi o primeiro livro de Teixeira de Pascoaes. Gostei e também o considero obrigatório. Uma referência merece também o prefácio da edição da Assírio, feita pelo Migel Esteves Cardoso.

Anagrama Orgânico disse...

Segunda vez que aqui caio, primeiro pelo Luiz Pacheco, e agora por esta Arte de Ser Português.
Adicionadíssimo.

Unknown disse...

網頁設計 網路行銷 關鍵字廣告 關鍵字行銷 餐飲設備 製冰機 洗碗機 咖啡機 冷凍冷藏冰箱 蒸烤箱 關島婚禮 巴里島機票 彈簧床 床墊 獨立筒床墊 乳膠床墊 床墊工廠 情趣用品 情趣用品 腳臭 長灘島 長灘島旅遊 ssd固態硬碟 外接式硬碟 記憶體 SD記憶卡 隨身碟 SD記憶卡 婚禮顧問 婚禮顧問 水晶 花蓮民宿 血糖機 血壓計 洗鼻器 熱敷墊 體脂計 化痰機 氧氣製造機 氣墊床 電動病床 ソリッドステートドライブ USB フラッシュドライブ SD シリーズ

Subscrever